Contraceção

Imagem
Pesquisa

Sections

  • Que método
    contracetivo usas?
    Pílula combinada
    DIU / SIU
    Anel vaginal
    Pílula sem estrogénios
    Adesivo
    Preservativo
    Implante subcutâneo
    Outro
  • Se já tomas, ou estás a pensar tomar a pílula, estás certa que a podes tomar à mesma hora, todos os dias de toma durante todo o ano?
    Sim
    Não
  • Estás a pensar engravidar a curto prazo?
    Sim
    Não
  • Já tens filhos?
    Sim
    Não
  • É importante para ti um retorno rápido à fertilidade, depois de interromper o método contracetivo?
    Sim
    Não
  • É importante que o teu método te ofereça a mais baixa dose possível de hormonas?
    Sim
    Não
  • Preocupa-te uma gravidez não programada?
    Sim
    Não
  • É importante para ti saber exatamente quando terás o periodo menstual?
    Sim
    Não
  • Dirias que é absolutamente inaceitável para ti uma hemorragia irregular?
    Sim
    Não
  • Preferes um método que te permite evitar o período (hemorragia de privação no intervalo da administração do método)?
    Sim
    Não
  • É importante para ti que o método contracetivo seja discreto?
    Sim
    Não
  • Tens sofrido de dor ou sensibilidade mamária?
    Sim
    Não
  • Estás a amamentar?
    Sim
    Não
  • O teu método

    Pílula Combinada

Pílula combinada

A pílula combinada, método contraceitvo diário, apresenta 99% de eficácia (Resumo das Características do Medicamento das várias marcas no mercado disponível em www.infarmed.pt). Dependendo do tipo de pílula, é tomada durante um período de 21, 22 ou 28 dias, com ou sem um período de intervalo de 6 ou 7 dias por ciclo. É importante tomar a pílula diariamente à mesma hora. A dose e o tipo de hormona variam entre as diferentes pílulas. Não interfere na espontaneidade das relações sexuais: apresenta uma proteção contra a gravidez indesejada, sem interrupções.

A pílula não protege contra as doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) nem contra a SIDA. Em caso de vómitos ou diarreia, a eficácia pode diminuir. Neste caso, consulte sempre o seu médico.

A pílula não é recomendada a mulheres que apresentem, por exemplo: cardiopatias (doenças que afectam o coração), alterações na circulação sanguínea ou coagulação, hipertensão arterial, doenças do fígado ou diabetes. Também não é recomendada a mulheres fumadoras com idade superior a 35 anos com excesso de peso ou com alterações dos níveis de colesterol.

Apenas um médico pode aconselhar qual o método mais adequado para cada mulher ou casal em particular. Assim, deve consultar um médico antes de iniciar a utilização de qualquer método contracetivo hormonal.

Este resultado não substitui em caso nenhum a consulta médica de contraceção.

Anel vaginal

A sua utilização UMA VEZ POR MÊS proporciona: Níveis hormonais baixos e constantes durante todo o mês. Tem uma eficácia de 99% (Resumo das Características do Medicamento disponível em www.infarmed.pt). É discreto, cómodo e fácil de utilizar. O anel tem probabilidade de esquecimento da administração, por parte da mulher.

A menstruação surge na altura esperada. A eficácia não diminui em caso de vómitos ou diarreia.

Este resultado não substitui em caso nenhum a consulta médica de contraceção.

Adesivo

Método contracetivo de utilização semanal.
- Eficácia de 99% (Resumo das Características do Medicamento disponível em www.infarmed.pt). Também é eficaz em caso de vómitos ou diarreia. Ao contrário da pílula, com o adesivo não são necessárias precauções adicionais em caso de vómitos ou diarreia.
- Superfície de 20,25 mm2, de cor bege.
- Aplica-se directamente sobre a pele limpa, seca e sem pêlo.
- Menor probabilidade de esquecimento, em comparação com a pílula.
- Através da pele, liberta um fluxo contínuo de hormonas idênticas às que se encontram presentes na pílula contracetiva combinada, progestagénio e estrogénio.

Este resultado não substitui em caso nenhum a consulta médica de contraceção.

Implante Subcutâneo

- Método contracetivo hormonal de longa duração (até 3 anos).
- É um método sem estrogénios, só contém progestagénio.
- 99% de eficácia (Resumo das Características do Medicamento disponível em www.infarmed.pt).
- Um único bastonete.
- É discreto (é a única pessoa que sabe que o está a utilizar).
- Cómodo: é um método prático e fácil de usar.
- Também é eficaz em caso de vómitos ou diarreia. Ao contrário da pílula, o implante não requer precauções adicionais em caso de vómitos ou diarreia.
- Pode ser utilizado durante a amamentação. Não afecta a quantidade nem a qualidade do leite materno. Não tem efeitos sobre o saúde do lactente.
- Pode ser utilizado em mulheres que não toleram ou que estão contra-indicadas para a administração de estrogénios. Só contém progestagénios.

Este resultado não substitui em caso nenhum a consulta médica de contraceção.

DIU/SIU

- Método contracetivo de longa duração (até 5 anos).
- Existem vários. Com hormonas denomina-se SIU. Sem hormonas, com cobre, denomina-se DIU/SIU.
- 99% de eficácia (Resumo das Características do Medicamento disponível em www.infarmed.pt).
- Discreto: é a única pessoa que sabe que o está a utilizar.
- Cómodo: é um dispositivo prático e fácil de utilizar.
- Também é eficaz em caso de vómitos ou diarreia. Não requer precauções adicionais em caso de vómitos ou diarreia.

Este resultado não substitui em caso nenhum a consulta médica de contraceção.

Pílula sem estrogénios

Método contracetivo de utilização diária que inibe a ovulação.

- Eficácia de 99% ((Resumo das Características do Medicamento disponível em www.infarmed.pt). É tomada durante os 28 dias do ciclo, sem semana de intervalo.
- Esta pílula não contém estrogénios.
- Utilização diária.
- É tomada durante os 28 dias do ciclo, sem semana de intervalo.
- Esta pílula não contém estrogénios.
- Não interfere na espontaneidade das relações sexuais: apresenta uma proteção contra a gravidez indesejada, sem interrupções.

Este resultado não substitui em caso nenhum a consulta médica de contraceção.