Anel Vaginal - Dúvidas mais frequentes - Contraceção

Pesquisa

Sections

Anel Vaginal

Depois de colocar o anel, este não se sente? Provoca algum desconforto?

O anel quando está corretamente colocado na vagina, não se sente. O anel fica colocado na parte superior da vagina, que não tem sensibilidade ao tato. No entanto, se sentires desconforto, é só empurrá-lo delicadamente para dentro da vagina.

A sua posição exata dentro da vagina não é importante para sua ação contracetiva.


O parceiro vai sentir o anel vaginal?

Há muitos homens que não o sentem. Estudos apontam que 80% não chegaram a notar qualquer diferença durante o ato sexual. O anel pode aumentar a sensação de rugosidade da vagina e isso pode torná-lo mais agradável.

No dia-a-dia o anel pode cair?

Não. O anel não cai inadvertidamente porque a vagina não é um tubo vertical. A posição da vagina assim como a musculatura em volta da parte inferior da vagina impedem que tal aconteça. No entanto, pode ocorrer uma expulsão acidental, por exemplo, senão tiver sido adequadamente colocado, durante a relação sexual, ao retirar um tampão ou em casos de prolapso do útero.
O anel pode estar fora da vagina até 3 horas sem perder eficácia. Caso seja expelido, o anel deve ser lavado com água fria, sem sabão e deve voltar a ser colocado imediatamente.

É seguro tirar o anel durante as relações sexuais mesmo que várias vezes por semana?

O anel vaginal não deve ser retirado durante as relações sexuais podendo inclusivé ser utilizado concomitantemente com espermicidas ou preservativo; se, por acidente o anel sair durante a relação sexual deve passá-lo por água fria, sem sabão, e tornar a colocá-lo num prazo de 3 horas para não comprometer a eficácia contracetiva.

O anel vaginal pode causar infeção?

Não. Na verdade, o estrogénio presente no anel, ao ser libertado, aumenta em 2,6 vezes a quantidade microorganismos que têm como função equilibrar a saúde do órgão genital. Pode ocorrer um aumento da secreção vaginal, o que, para algumas mulheres, é muito benéfico, principalmente àquelas que estão na perimenopausa e/ou que utilizam pílula há muito tempo.

Posso usar o anel conjuntamente com um preservativo?

Sim. O anel é um método contracetivo hormonal e não protege contra a SIDA nem contra qualquer doença sexualmente transmissível.

Para o exame ginecológico, é preciso retirar o anel?

Não há necessidade de remover o anel para realizar a citologia morfológica do colo, exames de colposcopia ou ecografia pélvica transvaginal.

Como posso guardar o anel vaginal contracetivo depois de comprá-lo?

Após ser comprado na farmácia, não é necessário conservar o anel no frigorífico. O anel pode ser conservado até 4 meses a uma temperatura não superior a 30 graus. Não utilizar o anel após a data indicada na embalagem, ou seja, 4 meses após a data de compra e nunca após a data impressa seguida das letras "VAL.”

É higiénico usar o anel durante três semanas seguidas?

Sim. Não há qualquer problema neste sentido. A vagina tem um excelente sistema de defesa local.

Posso usar tampões com o anel mensal?

Sim, podes. Nos casos excecionais que coincida a menstruação com o anel a ser utilizado, não existe qualquer problema em usar o anel em simultâneo com o tampão. Primeiro deve ser inserido o anel e, posteriormente, o tampão. Ao retirar o tampão deves ter cuidado para não arrastares o anel. No entanto, se este também sair, deves lavá-lo com água (sem sabão) e voltar a coloca-lo no sítio.

Posso nadar com o anel vaginal? Fazer exercício físico? Ir ao ginásio?

Sim, sem qualquer problema. O anel não cai facilmente e a água não entra na vagina, logo, nadar não tem qualquer efeito sobre a eficácia do anel.

Posso atrasar a menstruação com o anel vaginal?

Sim. No entanto, não se pode usar o mesmo anel durante mais de três semanas. Para atrasar a menstruação deves retirar o anel anterior e colocar um novo, sem realizar a semana de pausa. O segundo anel deve ser usado da mesma forma, durante as três semanas e retirá-lo então, fazendo depois a semana de intervalo.

É necessário fazer pausas quando se usa o anel vaginal? E ao fim de quanto tempo?

O anel vaginal tal como os restantes métodos contracetivos hormonais não necessita de pausa uma vez que não existem quaisquer beneficios na pausa, a não ser que se pretenda mudar de método contracetivo ou planear uma gravidez.

Posso interromper este tratamento quando quiser e começar de imediato a tentar engravidar?

Este é um método contracetivo reversível, o que significa que, quando a mulher deixar de o utilizar, recupera a fertilidade.

É possível perder o anel dentro do corpo?

O colo do útero liga o útero à vagina, mas é uma passagem muito estreita, com menos de 1 mm, sendo impossível que o anel passe.

Preciso de utilizar outro método contracetivo durante a semana de intervalo?

Não, desde que o anel contracetivo seja utilizado de acordo com as informações do folheto informativo do medicamento.

Comecei a usar o anel. A partir de que momento é eficaz?

Quando inicias o uso do anel, o momento a partir do qual ele começa a ser eficaz depende do dia do ciclo em que o colocas e do método contracetivo que estavas ou não a utilizar. Deves consultar a tabela que se encontra em "Como funciona o anel " que explica quando deves iniciar e se é necessário tomar medidas contracetivas adcionais durante os primeiros 7 dias de utilização do primeiro anel.

Comecei a usar o anel. A hemorragia menstrual será alterada?

Durante o uso do primeiro anel, especialmente se anteriormente não utilizavas nenhum método contracetivo hormonal, a hemorragia menstrual pode variar ligeiramente. Existe um pequeno grupo de mulheres em que a hemorragia desaparece pouco tempo depois do anel ser colocado. Outro grupo apresenta uma hemorragia mais prolongada do que o habitual e a grande maioria não apresenta grandes alterações iniciais. Em qualquer caso, a eficácia não está comprometida e o regime habitual de três semanas de utilização e uma de intervalo deve ser seguido. Com o tempo de utilização do anel, será possível observar que a hemorragia surge durante a semana de intervalo e o volume e duração da mesma diminuem, oferecendo um melhor controlo de ciclo.

Os antibióticos interferem com o anel vaginal? E como é que isso funciona? Tenho de colocar um novo anel quando termino o antibiótico?

Os estudos efetuados sobre a interação dos antibióticos com o anel vaginal vieram demonstrar que só a amoxicilina e a doxicilina não interferem com a ação e eficácia contracetiva do anel vaginal, todos os outros antibióticos requerem o uso concomitante de um método de barreira até 7 dias após a descontinuação do fármaco.

Esqueci-me de tirar o anel na altura certa e só o retirei algumas horas depois do previsto. E já passaram cinco dias e nada de menstruação. O que faço: espero? Quando volto a colocar um novo anel?

O atraso em retirar o anel não influencia a eficácia contracetiva, desde que o próximo anel seja colocado no dia em que era suposto ser colocado se não se tivesse esquecido, ou seja se se esquecer de tirar o anel na 2ª feira e só o retirar na 4ª feira , por exemplo, deve colocar o anel na 2ª feira seguinte como é habito, mesmo que a menstruação ainda não tenha aparecido.

Será que os tratamentos ativadores do bronzeado (que contêm beta-carotenos e vitamina E) interferem com os contracetivos, nomeadamente com o anel vaginal?

As substâncias utilizadas nos cremes e comprimidos ativadores do bronzeado não interferem com a eficácia dos contracetivos hormonais combinados, como por exemplo o anel vaginal e também estes não interferem com a ação destes produtos.

Posso usar o anel vaginal e concomitantemente colocar um creme antifúngico vaginal?

O uso de cremes antimicóticos, de lubrificantes em gel ou creme ou de espermicidas não reduz a eficácia contracetiva do anel vaginal podendo ser usados em simultâneo.

Descobre outros métodos contracetivos

Faz o TesteConhece o Consultório

Related Links

NEWSLETTER
X
A recolha da informação é feita através de uma base de dados da inteira responsabilidade da Performance Sales, Lda.
Os dados submetidos não serão facultados a terceiros.